Contract Package – Uma excelente alternativa ao Service Reference

Falar de WCF em meados de 2017 parece algo sem sentido, no entanto considero relevante tornar públicas soluções e alternativas que muitas vezes só apresentava dentro dos times por onde passei. São soluções, ideias, conceitos que ajudam no desenvolvimento e tornam o dia-a-dia de desenvolvimento mais fácil para quem está ciente dos conceitos ao redor da plataforma. Ignorei a possibilidade de publicar esse tipo de conteúdo para evitar exposição, já que obviamente, os preguiçosos irão reclamar, e muito! De qualquer forma asseguro, se você usa WCF e nunca viu esses conceitos, acredito que ao concluir esse post verá a tecnologia como algo menos místico, e até poderá criar alguma empatia por ela. É ambiciosa a minha proposta, eu sei!

WebAPI não é bala de prata

O tema

Pessoal, faz alguns dias que assisti um debate interessante e muito produtivo com o tema “Serviços na plataforma .NET: WCF ou WebAPI?”. Quem conduziu o debate foi a galera do AspNetCast‬, com a presença do Evilásaro Alves. Bom, não vou debater a respeito do cast que está aqui, minha intenção é debater sobre o assunto.

Deja-Vú

O ponto mais engraçado é que para uma grande parte da galera nova, e já trabalhei com um pessoal que pensa isso, WCF é algo totalmente desnecessário e irrelevante, em contrapartida WebAPI é a solução mais eficiente e eficaz para integrações e exposição de serviços.  Na cabeça deles, WCF é quase um elefante branco, desnecessário, over design, simplesmente too much. Eles traziam consigo o hype de que o WCF era tão grotesco e pré-histórico quando cobol.